Olá Visitante





 
Artigos

Estréia do
Projeto Deficiente Visual na Trilha
2006

O Projeto Deficiente Visual na Trilha é um projeto de Atuação Social gerenciado pelo grupo Rebas do Cerrado e que visa preparar/capacitar deficientes visuais (DV) para participar de trilhas e passeios de moutain bike.

O projeto nasceu de um sonho idealizado em 2004 por ciclistas parceiros do Rebas do Cerrado, o Marcos Vieira, conhecido por Chambinho e o casal Simone Cocenza e Danilo Hayakawa, também pelo Marcelino Brandão e o saudoso Bob King, fundadores do Rebas do Cerrado.

Todos tinham o desejo de proporcionar o prazer de pedalar aos deficientes visuais, com a expectativa não apenas de mais uma ação inclusiva de pessoas diferentes, mas a iniciativa de proporcionar a tais pessoas a adaptação ao esporte de forma espontânea, de modo a fazer futuramente o ato de pedalar como parte da sua rotina, da mesma forma que atualmente é para muitos todos nós.

Recebemos um grande apoio dos membros do nosso grupo em maio de 2005, quando ocorreu a doação do pagamento oferecido para os ciclistas que atuaram como batedores na Volta do Lago Caixa, uma corrida patrocinada pela Caixa Econômica Federal, proporcionando verba suficiente para a compra de duas bicicletas tandem (2 lugares).

Recebemos também o apoio do Sr. Reginaldo Ferreira Leite, Gerente da Fuji Office Br, através de seu representante em Brasília, o Sr. Milton, da loja Bike World, com a doação de outra tandem, da marca Fuji.

O apoio operacional do projeto vem da parceria do Rebas do Cerrado com o Centro de Ensino Especial de Deficientes Visuais-CEEDV, que proporciona a orientação didática e a seleção dos deficientes visuais participantes.

Enfim, aconteceu.

No sábado, dia 04Mar2006, o projeto, na sua edição 2006, foi inaugurado com a primeira aula que teve como tema um primeiro reconhecimento das bicletas, aula ministrada pelo Chambinho e prestigiada por membros do Grupo que foram assistir e participar.

Essa edição de 2006 é a terceira fase do projeto.

A primeira aconteceu em 2004 com o evento "Nesse Natal vai dar pedal para o Deficiente Visual", onde buscou-se comprovar a viabilidade do projeto, levando os deficientes visuais para um passeio em tandens emprestadas.

A segunda aconteceu em 2005 onde o Rebas do Cerrado buscou recursos financeiros e doações para a obtenção de três tandens.

Nessa terceira fase, um grupo "piloto" de seis deficientes visuais vai ter aulas teóricas e práticas com o objetivo de serem incluidos nos passeios e trilhas realizados pelo Rebas do Cerrado.

O projeto prevê o desenvolvimento de outras fases dependendo de sua aceitação e apoio.

A mola propulsora do projeto é a participação dos voluntários. Sem essa participação, com toda a certeza, o projeto não conseguiria se desenvolver.

Ainda precisamos de voluntários!

Se você tem disponibilidade de tempo, dê uma oportunidade ao seu coração de jubilar-se em emprestar um pouco da sua alegria de pedalar ao seu semelhante.

Junte-se a nós...

As atividades do projeto ocorrem todos os sábados das 09:30 às 11:30h no CEEDV, localizado na Avenida L2 Sul, Quadra 612, Módulo "D".

Saiba mais deste belo Projeto Rebas, motivo de orgulho dos seus membros, acessando o link Atuação Social no site do Grupo.

Um forte abraço a todos,

Janice
Coordenação do Rebas do Cerrado

Marca registrada Rebas do Cerrado - Nota de rodapé do site

A primeira versão deste site foi desenvolvida por Eliézer Roberto Pereira, o Bob King, um dos fundadores do Rebas do Cerrado, falecido em dezembro de 2004. Uma nova versão foi elaborada por Marcelino Brandão Filho, também fundador e coordenador do grupo por 6 anos e um dos responsáveis pela introdução do jeito Rebas de organizar e conduzir nossos eventos. até seu falecimento em julho de 2013. Em homenagem aos dois fundadores procuramos manter o 'layout' original.

As marcas Rebas®, Rebas do Cerrado® e o logotipo®  do Grupo Rebas do Cerrado são Marcas Registradas® no Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI). Todos os Direitos Reservados.