Olá Visitante





 
Depoimentos


Autor: Silvio Arduini
Data: 23Mai2006
Assunto: 3ª Volta do Lago Caixa
Fonte: E-mail

Título: SUPER Volta da Caixa-Pequenos Incidentes

Valeu a experiencia!

Endosso o que os colegas escreveram.

No domingo tive a oportunidade de acompanhar uma equipe de 2 corredores (Aguias do Cerrado). Isso mesmo, os caras correram uns 50km cada um, e no fim ja' me sentia quase membro da equipe. Eles estiveram à frente da prova por um bom tempo, so' foram ultrapassados depois do PI do Pontao.

E o fato de liderarem por tanto tempo tambem gerou um certo estresse: como eramos os primeiros, em duas ocasioes tivemos problemas com a sinalizaçao do percurso, o que irritou os corredores (e eu também). Por isso, gostaria de aproveitar a oportunidade para reforçar o apelo à organizaçao da corrida para que o percurso seja claramente indicado. Em varios momentos tive que "acordar" os caras da sinalizaçao. Havia diversas passagens dubias.

O primeiro problema ocorreu na Ermida: a pessoa da organizaçao nao estava no local onde deveria estar e o corredor errou o caminho e teve que voltar uns 30 metros. Pode parecer pouco, mas pra quem tinha acabado de subir da Barragem do Paranoa' até ali era uma eternidade.

Os dois Rebas que estavamos acompanhando aquela equipe vinhamos nos revezando à frente dos corredores nos pontos onde poderia haver duvidas sobre o percurso, mas ali parecia um lugar onde seria dificil errar: havia a faixa zebrada, mas essa estava em posiçao ambigua, e acabou que erramos e tivemos que voltar um pedaço.

O segundo problema foi logo depois de passar por baixo da ponte do Pontao. De novo, a pessoa da organizaçao encarregada de indicar o percurso nao estava em sua posiçao. Naquele ponto, eu ja' era o unico Reba escoltando o corredor. Devido à dificuldade de passar com a bicicleta entre dois muros um pouco antes da ponte, fiquei pra tras do corredor (assim como o acompanhante da equipe deles, que fez todo o percurso de bici, e tambem nao conhecia o percurso) e quando o alcancei ele ja' tinha tomado o caminho errado, e eu tive que chama-lo de volta. Detalhe: era o mesmo corredor que tinha errado na Ermida. Imagina a felicidade dele... Naquele momento, troquei uns comentarios pouco elogiosos com a organizaçao da prova. Consegui nao mandar ninguem praquele lugar, mas senti que o clima ficou um pouco tenso.

Alem dos problemas acima, tambem fiquei apreensivo com o trafego em alguns trechos (exs.: na estrada que vai da Agua Mineral a Sobradinho; no Varjao), onde nao havia apoio policial, e nao seria ma' ideia ter esse apoio nas proximas ediçoes.

Fato anedotico: no Eixao, enquanto acompanhava o corredor pela faixa central (aquela onde normalmente os carros nao trafegam), tive que dar passagem pra um carro da policia que vinha atras de nos, enquanto todas as outras faixas do Eixao estavem livres, livres...

Saudaçoes e parabens a todos que participaram dessa bela iniciativa!

Silvio

Marca registrada Rebas do Cerrado - Nota de rodapé do site

A primeira versão deste site foi desenvolvida por Eliézer Roberto Pereira, o Bob King, um dos fundadores do Rebas do Cerrado, falecido em dezembro de 2004. Uma nova versão foi elaborada por Marcelino Brandão Filho, também fundador e coordenador do grupo por 6 anos e um dos responsáveis pela introdução do jeito Rebas de organizar e conduzir nossos eventos. até seu falecimento em julho de 2013. Em homenagem aos dois fundadores procuramos manter o 'layout' original.

As marcas Rebas®, Rebas do Cerrado® e o logotipo®  do Grupo Rebas do Cerrado são Marcas Registradas® no Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI). Todos os Direitos Reservados.